tudo começou com uma entrevista que vi na RTP2 de Jacinto Lucas Pires. gostei do discurso lógico, claro e simples do escritor. sem grandes floreados e jeitos de artista falou sobre a sua obra e sobre a sua vida e suas experiências.

depois pensei: “tenho que arranjar um livro dele para ler. não conheço nada do autor e é uma boa oportunidade pois fiquei bem impressionado.”

como foi quase coincidente com a Feira do Livro no Porto, aguardei mais uns dias e lá fui comprar o livro. estava apenas com a ideia de que seria um qualquer. gostei, portanto, deste título “perfeitos milagres” e compensou ser também uma primeira edição.

e assim tornou-se mais um livro de férias para ler. li-o quase compulsivamente, apesar de no inicio a história ser demasiado densa e algo abstracta. compensou daí para a frente, quando todas as histórias se começaram a encaixar.

foi pois mais uma descoberta muito interessante e que também serviu para me aproximar/conhecer melhor a literatura moderna portuguesa, feita por jovens, assim da minha idade, cheios de talento e a quem desejo muitos sucessos.

blogue do escritor: chanatas

Partilhe este artigo:

Sem comentários

  1. Sem comentários

Comente