As bandas suecas continuam a dar cartas por aí, umas mais recentes do que outras, e ao que parece a música já se tornou num dos principais produtos de exportação daquele país nórdico. Talvez seja pela excelente qualidade de vida, que dizem, que existe por lá e que abre espaço para tão boas manifestações de criatividade. É bom que continue assim para poderem continuar a gerar coisas como esta.

E este quarteto, formado em 2000 numa terra chamada Jönköping, dizem ter  influências musicais dos anos 80 e 90, e com isso respiram alguma sonoridade dos Stone Roses ou dos The Cure. São de facto belíssimas músicas, algo melancólicas, mas que são tão fáceis que duram no espaço e no tempo.

Já andaram pela Europa e a sua editora “Labrador“, que representa também uma outra banda conhecida, os The Radio Dept, abriu-lhes algumas portas tidas como mais “comerciais”, nomeadamente o aparecimento em algumas séries televisivas.

[página oficial] [facebook] [myspace] [last.fm]

Partilhe este artigo:

Sem comentários

  1. Sem comentários

Comente