Arquivo de Janeiro, 2011



o que se encerra dentro de uma caixa, conta-nos, dá de nós, sem opção. os objectos acumulam-se como recordações e por vezes nem com coordenadas as reencontramos. mas quando revisitadas viagem connosco percorrendo vales, montanhas, planíceis ou apenas o limiar de uma memória. Partilhe este artigo:Tweet

existem muitas formas de chegar ao céu mas quem quer chegar? não existe pressa, apenas divertimento num festival imaginário de ideias loucas mas tão reais que se confundem Partilhe este artigo:Tweet

cruzamos as pernas e os braços e não queremos sair do sítio é cómodo é fácil é seguro mas na tentativa de mudar tudo se revela perturbador é incómodo é difícil é inseguro Partilhe este artigo:Tweet

e jazia esquecido, talvez perdido numa brincadeira, entregou-se ao tempo e permaneceu parado, talvez na esperança de um reencontro e resgatado preferiu ficar ao sol quieto, inerte, sem vida. Partilhe este artigo:Tweet

na verdade as árvores correm e nós parados observamos a sua pressa Partilhe este artigo:Tweet

e todos os dias passamos pela mesma rua e olhamos para ela da mesma forma tudo se torna igual, monótono, rotina mas paramos, olhamos e pensamos e será que já passei por aqui? as formas aprumam-se num novo perfil ganhando novos contornos, cores ou sons Partilhe este artigo:Tweet

ao cair da tarde penso sempre mais é uma luz que me invade sãos as cores naturais …in as cores do sol, espírito da paz, madredeus Partilhe este artigo:Tweet

pelas águas cristalinas desembarcam desejos que se amarram ao nosso corpo e com eles vivemos receosos da sua extinção Partilhe este artigo:Tweet

espalha-se pelo verde ziguezagueando inerte e encontro-o em cada viagem preto e por ele percorro em reencontros únicos e memoráveis e sem pressa penso no próximo momento em que a distância fica sempre mais curta e com ela o coração mais quente Partilhe este artigo:Tweet

as letras acompanham-me diariamente constroem-se em formas originam imagens reais criam cenários e estórias alegres e tristes e correm com o dia terminando para reiniciarem sem nunca se cansarem Partilhe este artigo:Tweet




Sobre

You are currently browsing the diasdeblog weblog archives for Janeiro, 2011.

Longer entries are truncated. Click the headline of an entry to read it in its entirety.

Categorias

Arquivo