esta noite e por uma eleição ao acaso e totalmente baseada no desconhecido eis que surgem estes americanos, “Low”, que me entram pelos ouvidos dentro e que conquistam sem resistência. talvez seja por isso que é tão difícil deixar de ouvir este “c´mon “, porque é ao mesmo tempo tão relaxaste como perturbador.

mas a perturbação aqui assume um papel de desafio não de potencialidade de desequilíbrio o que também não seria completamente irreal.

é exactamente esta a dimensão para a qual sou transportado, uma introspecção individual cheia de altos e baixos e que ecoam lentamente numa viagem com idas e regressos.

algures nos sons que criaram tiveram tanta inspiração que agora não a conseguem descolar e ainda bem, são precisas coisas assim nos dias que correm.

+ low

+ facebook

 

Partilhe este artigo:

2 comentários

  1. 1 http://toplist23.de/
  2. 2 Https://ok.ru/dakhoaquoctehcm


Comente